logo-prefeitura-contagem

O TRANSPORTE COLETIVO VAI MUDAR.

Para que o Sistema de Integrado de Mobilidade (SIM) funcione bem, várias obras já foram iniciadas. São viadutos, trincheiras, corredores e requalificação de vias, além de 5 terminais de ônibus e 10 estações de transferência, que vão integrar a cidade.

CORREDORES.

Os ônibus do SIM vão trafegar em faixas exclusivas, para circularem com mais agilidade. Com isso, terá as conexões nos terminais e estações de integração utilizando a tarifa única. 

FROTA

A frota de ônibus do SIM tem veículos com ar-condicionado. Além disso, conexão WI-FI em todos os ônibus, câmeras e GPS. A acessibilidade está garantida com o embarque e desembarque em nível nos terminais e estações.

BRT E BRS. O QUE É?

Algumas cidades implantaram o BRT (Bus Rapid Transit), ou Transporte Rápido por Ônibus, que rodam em faixas exclusivas.  Com esse modelo de transporte, você embarca em um terminal e viaja até a região que precisa ir, pagando tarifa única. No Corredor Norte-Sul, nas avenidas João César de Oliveira e General David Sarnoff, está em implantação o sistema BRT, com os ônibus vão trafegar em faixas exclusivas. Já nos Corredores Leste-Oeste e Ressaca, o sistema será o BRS, com faixas preferenciais para os coletivos.

BRT – é um sistema de transporte coletivo, que se diferencia do serviço de transporte coletivo convencional, sendo essencialmente determinado por faixas de ônibus exclusivas para garantir a priorização e operação rápida de ônibus. Outros elementos que caracterizam o sistema BRT são: pagamento adiantado da tarifa, embarque sem barreiras e veículos otimizados em termos de capacidade.

BRS – se caracteriza pelas faixas preferenciais de ônibus e pelo conjunto de medidas que possibilitam mudanças no transporte coletivo. As medidas incluem a racionalização das linhas, o escalonamento dos pontos de parada, a fiscalização eletrônica para controle de acesso de veículos particulares e um sistema de informação ao usuário.

Skip to content